Blog
  • PEQUENAS DOSES

    A reboque da quebra de patente de máquinas que produzem cafés em formato de cápsulas, em 2012, está crescendo o número de pequenas empresas fabricantes de café gourmet que investem em envasar seus produtos em cápsulas compatíveis com a marca. Elas vão concorrer com as companhias de grande porte, que já lançou produtos similares. Mas a ideia é atender ao público de cafés especiais, mais sofisticados e caros. Nathan Herszkowicz, diretor-executivo da Abic (Associação Brasileira da Indústria do Café) diz que existe uma "tendência evidente" de consumo da bebida em dose única e que as cápsulas são sua maior expressão. "É um mercado que responde hoje por menos de 2% do consumo de café no Brasil, mas tem grande potencial. Praticidade e conveniência são os drivers desse consumo", afirma. Fonte: Folha de S. Paulo