Institucional
Uma história de trabalho e sucesso no mercado de alimentos

A história do Café Santo André começou nas primeiras décadas do século XX, quando em 1944, Lourenço Giriboni, seus filhos Eduardo, Orlando, Laurindo e seu amigo André Parducci ,fundaram a Indústria Alimentícia Irmãos Giriboni, em Itapetininga-SP. Dono de um faro singular para os negócios, Lourenço começou a produção com uma máquina de fazer fubá. Nascia uma das principais indústrias de alimentos da região: a empresa Irmãos Giriboni , que também beneficiava arroz, milho e café.

Além do espírito empreendedor, Lourenço era um profundo conhecedor de café. Filho de imigrantes italianos, ele havia crescido em meio aos cafezais plantados por seus pais. Ainda jovem, ele inventou máquinas para irrigação dos cafezais. As duas características da personalidade de Lourenço passadas para as gerações que seguiram na construção da empresa foram decisivas para o Café Santo André.

Com o passar dos anos, a empresa Irmãos Giriboni solidificou-se não só pela qualidade, mas pelo compromisso com seus clientes. O grande sucesso junto ao consumidor foi o ponto de partida para iniciar uma nova linha de produtos alimentícios.

Em pouco tempo e sempre com a aprovação dos clientes, a família Santo André cresceu. Vieram novos produtos como o achocolatado, arroz, feijão, batatas fritas (palha e ondulada), filtro para café, café solúvel, cappuccino, café expresso e salgados de trigo entre outros.

O surgimento de novas linhas de produtos originou uma moderna indústria de alimentos, localizada na Avenida Nisshimbo do Brasil, em Itapetininga-SP, ampliando os investimentos na estrutura e suporte que fazem seus produtos chegarem aos clientes com garantia de qualidade. Foi assim que a empresa cresceu, e do Café Santo André / Irmão Giriboni surgiu a Santo André Alimentos.

Hoje contamos com aproximadamente 100 colaboradores, uma frota de 30 veículos, distribuição em 65 cidades e uma filial em Registro, Estado de São Paulo.